Sua voz importa – Parte 2

Se você conhece o blog do Voke, sabe que começamos uma nova série chamada Sua Voz Importa. Percebi, pela primeira vez, que minha voz é importante quando eu estava no Ensino Médio. Quando meus amigos perguntaram o que eu tinha num fim de semana, foi fácil responder com entusiasmo, “igreja!”. E também foi fácil falar sobre o que aconteceu no meu grupo de jovens e o que eu acredito. 

Mas, assim como escrevemos em nosso último blog, em algum momento, fiquei ocupada. Tornei-me cada vez mais ocupada, e minha fé lentamente se tornou cada vez mais rasa. Fui para a faculdade, priorizei minhas notas, me formei e iniciei uma carreira que me ajuda a fazer a diferença na vida de outras pessoas. Com o tempo, conversar com meus amigos sobre quem é Jesus começou a “cair” de posição na minha lista de tarefas.

eu perdi minha voz?

Você já olhou para tudo o que conseguiu em sua vida e perguntou: “é isso?” Cerca de dois anos atrás, eu sabia que estava fazendo a diferença no trabalho, mas tinha um sentimento irritante por dentro, uma voz suave me dizendo que havia faltava algo. Eu estava perdendo a chance de fazer algo mais profundo em minha fé. De fato, há uma passagem bíblica específica que me ajudou a aprender muito sobre como Deus nos chama para dar passos de fé. Há muito tempo, um profeta chamado Elias teve um encontro bastante interessante com Deus. Você esperaria que Deus aparecesse a ele por meio de um acontecimento espetacular, como uma tempestade ou um terremoto, mas, conforme a história diz: E eis que passava o Senhor, como também um grande e forte vento que fendia os montes e quebrava as penhas diante do Senhor; porém o Senhor não estava no vento; e depois do vento um terremoto; também o Senhor não estava no terremoto; E depois do terremoto um fogo; porém também o Senhor não estava no fogo; e depois do fogo uma voz mansa e delicada. (1 Reis 19:11-12)

Ouvindo a voz de Deus

O que estou tentando dizer? Às vezes, esperamos que Deus nos dê revelações por meio de vento, terremotos e fogo. Mas Ele, às vezes, vem em silêncio. Dois anos atrás, havia uma voz baixa e calma me dizendo que havia mais. Mais para a minha vida do que apenas trabalhar. E que eu deveria usar meu tempo para falar às pessoas ao meu redor sobre Ele. Foi quando descobri um aplicativo cristão, de compartilhamento de vídeos, chamado Voke. Os vídeos do Voke ajudam a responder perguntas como “Jesus é real?” e “O que Jesus tem a ver comigo?”. Achei que não poderia ser a única pessoa a fazer essas perguntas, então enviei esses vídeos para alguns colegas de trabalho. Acabamos tendo conversas profundas sobre o cristianismo. Mas depois de fazer isso por quase dois anos, você sabe o que eu aprendi? Algumas coisas:

1- levante sua voz

Primeiro, mesmo que eu não seja a melhor pessoa para compartilhar minha fé, eu ainda posso fazê-lo. Com o Voke, eu realmente não preciso me preocupar em ser “bom o suficiente” para contar ao meu amigo sobre Jesus. Tudo o que tenho que fazer é convidá-lo para assistir a alguns vídeos e ver o que acontece. Em outras palavras, o uso deste aplicativo de compartilhamento de vídeo cristão me ajuda a obedecer ao chamado de Cristo para contar aos outros sobre ele, independentemente de eu me sentir adequada ou não para essa tarefa.

2- ouvir os outros

Segundo, que as pessoas realmente podem nos surpreender. Eu tive conversas com amigos, que estão completamente desinteressados ​​no cristianismo. Ainda assim, sempre há um ponto em nossa conversa em que eu fico tipo, “uau, as pessoas realmente querem falar sobre isso!” Veja bem, mesmo as pessoas que se recusam a entrar na igreja e rejeitam a idéia de uma verdade absoluta, realmente desejam conversas mais profundas . Nossa geração quer mudar o mundo e ir mais fundo. Podemos nem todos querer ir mais fundo com Deus, mas todos percebemos que há mais na vida do que trabalho, dinheiro e encontrar felicidade. E o que eu aprendi é que, como cristã, minha voz é importante. Iniciar conversas mais profundas com meus amigos é importante. Por serem meus amigos e, assim como eu, eles querem ir mais fundo e eu posso ouvi-los e ajudar, de alguma forma.

3 – você vai levantar sua voz?

Sua voz é importante. Se você leu até aqui, provavelmente é porque há algo na minha história que é semelhante à sua. Como alguém que não está vivendo exatamente o mesmo que você, mas sabe um pouco sobre o que você está passando, incentivo você a baixar o aplicativo, assistir a alguns vídeos por conta própria e pedir a um amigo que o acompanhe nessa jornada de explorar a fé. É uma jornada que às vezes pode parecer desconfortável. Naquela história com Elias, Deus usou essa voz bem mansa para dizer a Elias que fizesse algo difícil.

Compartilhar uma série de vídeos pode ser difícil para você, assim como, às vezes, ainda é para mim. Mas essa voz calma e suave, que está chamando você para ir mais fundo, vem de alguém que realmente ama você. E a melhor parte dessa jornada é aprender mais sobre o amor de Deus.

Vale mencionar novamente: sua voz é importante. Mas você realmente deixará Deus usá-lo? Você vai realmente se esforçar para conhecê-lo melhor e conversar com seus amigos sobre o que está aprendendo? Se a sua resposta for um pequeno “sim”, baixe o aplicativo (no sistema IOS ou Android) e prepare-se para ir mais fundo com Deus, e com outras pessoas, hoje!

If you enjoyed this blog, you might like these related blogs too:

Leave a Comment